h1

Comentário ao RdC – Dificuldades em divulgar biologia

18 Agosto 2006

Este post é um comentário ao texto publicado pelo Cais de Gaia no Roda de Ciência (RdC): Blogues e a dificuldade em divulgar temas de Biologia.

Este blogue do projecto Caminhos do Conhecimento divulga informações sobre ciência, tecnologia, ambiente e sobre a actividade de comunicar / divulgar / popularizar estas áreas.

Confesso que pouco escrevo sobre ambiente e muito menos sobre tecnologia. Os principais motivos são a minha formação em Biologia / Ecologia e as minhas preferências pessoais nas ciências da vida.

No início, só escrevia sobre o que se fazia em Portugal, mas deixei-me disso, porque estava sempre tentada a escrever sobre o que se passava noutros países. As dificuldades de divulgar temas das ciências da vida são óbvias, mas não é por isso que vamos desistir. Para se verem resultados na divulgação de ciência, em qualquer área, é necessário uma “paciência de santo” e muita persistência (= anos, muitos anos…).

Não escrevo sobre Astronomia, porque…

Aproveito o comentário do Cais de Gaia, sobre o sucesso da Astronomia, para explicar por que, até agora, só escrevi uns três posts sobre este tema:

1º Há vários blogues de Astronomia em Português.
2º Não me sinto preparada para escrever sobre esta área.
3º Sinceramente não é assunto que me fascine, ao contrário do que acontece com a maioria das pessoas, que se sente atraída pelo que se passa para além deste ponto azul. Este facto ultrapassa a minha compreensão, porque é tão pouco o conhecimento sobre, por exemplo, o fundo dos oceanos. Não é curioso? É um local recheado de estranhas formas de vida. Alguns destes “bichos” mais parecem saídos da imaginação colectiva sobre o que são seres extraterrestres – A vida real parece sempre ultrapassar a ficção científica. Apesar disto, aparentemente poucos querem saber das profundezas dos mares.

Possíveis Motivos para o Aumento de Visitas

Não escrevo sobre o tema que a maioria parece preferir, mas o número de visitas tem vindo a aumentar no blogue do Caminhos do Conhecimento. Isso deixa-me mesmo surpreendida! A média tem vindo a superar as 100 visitas por dia e o total já quase ronda as 20.000 num ano. Há uns meses tinha só 10 a 20 visitas/dia. Ontem, o record foi batido com 197 visitas (este record não tem em consideração a excepção que ocorreu quando divulguei o guia “Comunicar Ciência” que teve cerca de 1500 visitas em dois dias!!!).

Passo a explicar a minha opinião sobre este fenómeno do aumento de interessados:

a. Passei o blog para o sistema WordPress, que tem a vantagem de arrumar os posts em categorias e parece ser muito eficiente na divulgação dos posts nos motores de busca e noutras ferramentas da Internet (talvez esteja enganada, mas…).

b. Fiz a divulgação do tal Guia, editado em Portugal pela organização do Workshop Comunicar Ciência – Só este post já foi visitado mais de 3000 vezes e o número continua a aumentar a bom ritmo.

c. Por acaso, escrevi sobre a tabela periódica e foi assim que descobri que é um tema muito procurado. Escrever sobre inventos, sobre água e sobre orcas é também um excelente investimento para aumentar o número de visitas! :-) As pessoas adoram!!

d. Criei a categoria “Livros” que é muito visitada a partir dos motores de busca e a partir do próprio WordPress.com (que agrega todos os posts de todos os blogues com esta categoria).

e. Tenho feito um grande esforço para aumentar o número de posts por semana. A consequência foi que deixei de escrever tanto em posts únicos (que incluíam reportagens e entrevistas) e passei a escrever textos mais pequenos, a maioria deles com várias referências para outros links). As pessoas não gostam de ler textos grandes na Internet. Arriscaria mesmo a dizer que as pessoas não gostam muito de ler, pelo menos em Portugal, mas isso é conversa para outra oportunidade.

Portanto, parece-me uma boa ideia escrever sobre temas que interessam aos visitantes, sendo que pelo meio escrevemos sobre outros assuntos que menos lhes interessam. Entretanto ganhamos visitantes assíduos, não concordam?

Termino, com outra confissão: acho que os visitantes do meu blogue não gostam de fazer comentários ou acham que não têm nada a dizer e isso deixa-me um pouco desapontada. A forma como escrevo os textos não incentivam o debate, eu sei. Paciência, o meu estilo, também por falta de tempo, é mais noticioso e não opinativo.

Rita Caré
18 Agosto 2006

 

P.S. Este post tem um tamanho proibitivo para um blogue!!. Aos que chegaram ao fim, os meus parabéns!

 

ATENÇÃO – Os COMENTÁRIOS deverão feitos via Roda de Ciência, por favor.

 

 

One comment

  1. Rita, os posts da roda de ciência devem ter os comentários lá. Concordámos em desactivar essa opção no nossos blogs e colocar um link para lá.



Os comentários estão fechados.

%d bloggers like this: