h1

Português coordena investigação na Antárctida

10 Janeiro 2006

.: Alterações Climáticas :.

:: Português coordena investigação na Antárctida ::

Um cientista português lidera, a partir de hoje, uma campanha internacional de investigação na Antárctida, a região da Terra que tem sido mais afectada pelas alterações climáticas. Gonçalo Teles Vieira, 34 anos, é investigador do Centro de Estudos Geográficos da Universidade de Lisboa. Esteve no Pólo Sul durante o seu doutoramento e esperou seis anos para lá voltar, como se lê num artigo da Visão. Agora irá, com uma equipa de espanhóis, suíços e alemães, concretizar o projecto “Permamodel”, nas ilhas Shetlands do Sul, até 18 de Fevereiro de 2006.

O projecto "é uma investigação internacional para estudar o 'permafrost', ou seja, solo ou rocha que permanece a temperaturas inferiores a 10 graus centígrados por períodos muito longos, e que portanto não funde", disse o cientista à Agência Lusa.

O principal objectivo da equipa é instalar um sistema de monitorização para medir temperaturas debaixo do solo, a vários metros de profundidade. Montando este sistema na Antárctida, ficará disponível uma rede de recolha de dados, no Pólo Norte e no Pólo Sul, que permitirá compreender a influência das alterações climáticas no solo gelado.

Segundo afirmou o investigador português à Agência Lusa, o conhecimento adquirido nesta investigação é importante, pois a temperatura do “permafrost” está ligada às alterações climáticas, que têm vindo a ser observadas, ao nível global, nos últimos anos. “Quando o solo está congelado não há trocas químicas entre o solo e a atmosfera”, o que faz dele um armazém de carbono. Se as temperaturas aumentarem, o permafrost derrete, o carbono liberta-se para a atmosfera, o que contribui ainda mais para o efeito de estufa e para o consequente aumento das temperaturas.

Além de estarem envolvidos em projectos de investigação científica, Gonçalo Teles Vieira e a sua equipa estabeleceram como prioridade a divulgação do continente Antárctico ao público.

O projecto Permamodel terá um diário de campanha disponível on-line que será actualizado diariamente no blogue http://blog.geographus.com. Algumas escolas, a Associação de Professores de Geografia e o Oceanário de Lisboa participarão nesta actividade com o objectivo de prepararem acções educativas a serem realizadas, em 2007-2008, durante as comemorações do Ano Polar Internacional.

Rita Caré

Fonte das Imagens:

Página Pessoal – Gonçalo Teles Vieira

Ano Polar no Sapo

Para Conhecer Mais…

 

 

One comment

  1. Este texto foi escrito durante uma aula de jornalismo de ciência e tecnologia, sob a orientação da jornalista Marina Ramos, à qual agradeço as sugestões e ajuda nas correcções.–>



Deixe uma Resposta

Please log in using one of these methods to post your comment:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s

%d bloggers like this: